terça-feira, setembro 13, 2005

Asilhar

Não sei se é assim que se escrever porque o verbo "asilhar" não aparece nos dicionários. "Asilhar" era olhar, explica o meu tio, enumerando em seguida as raparigas com quem "asilhava" quando era jovem.
"Asilhar era flertar, entende?" - continua ele com o seu sotaque de quem emigrou há mais de quarenta anos para o Brasil. "Asilhar era bem gostoso! A gente não falava. Ficavamos assim só olhando um para o outro, era mesmo gostoso."
Os rapazes e as raparigas "asilhavam" nos arraiais, nas visitas da Festa, na debulha da palha, nas visitas do Espírito Santo, no adro da Igreja, à saída das missas de domingo.
Claro que todas as pessoas andavam sempre muito atentas para saber quem "asilhava" com quem, afinal quase não havia divertimentos e era necessário encontrar ocupações que fugissem à rotina do trabalho.
"Vocês já sabem quem é que anda asilhando?" Imagino várias cabeças a levantarem os olhos do bordado, a linha e a agulha de repente suspensas no ar, à espera da novidade, e imagino também os comentário que preencheriam o resto dessa tarde. O João anda "asilhando" com a Madalena! Alguns olhares, alheios ainda por cima, bastavam para entreter durante uma tarde inteira as raparigas que se juntavam para bordar. Pensavam nisso e falavam e com isso se divertiam e esqueciam as tristezas e eram contentes. E assim sendo até me apetece ter saudades desses tempos e dessas tardes que não foram os meus.

Comments:
Nunca tinha ouvido essa palavra com esse sentido. Conheço o termo "azelha", que não significa nada disso. Um azelha é uma pessoa que tem dificuldade em terminar uma qualquer tarefa ou trabalho, aparentemente fácil. Azilhar... todos nós azilhámos penso eu, só que não sabíamos que o estávamos a fazer.
 
Não conheço esse termo,mas é engraçado :)
***********
 
Best regards from NY! » » »
 
This is very interesting site... here
 
Postar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!